Arlindo Cruz em imagem registrada em 9 de novembro
Reprodução/ Instagram

O sambista Arlindo Cruz, 60, apresentou mais uma evolução na reabilitação do AVC que sofreu há um ano e oito meses.

Ele mexeu a boca, o que permite a ingestão de alguns alimentos e aponta para o fim da traqueostomia, abertura na traqueia que facilita a respiração, ainda sem data definida.

De acordo com a assessoria de imprensa do cantor, os médicos informaram que a retirada da cânula está próxima, mas ainda sem data determinada.

Já foi introduzida dieta pastosa, que incluem alimentos como sopa e purê, segundo a assessoria. A alimentação é complementada por meio de sonda gástrica (gastrostomia).

Leia também: AVC: 90% dos casos decorrem de fatores que podem ser prevenidos

Segundo Wesley Cavalcante, assessor de imprensa de Arlindo, a recuperação dos movimentos da boca também tem ajudado o cantor a expressar melhor os sentimentos. “Ele sorri, fica emocionado e faz expressão de bravo”, diz.

Cavalcante afirma que a parte motora também tem apresentado melhora.” Ele aperta a mão e responde aos estímulos em ambos os lados do corpo. Embora ele não consiga se levantar para sentar, com a movimentação dos braços, ele consegue se ajeitar até ficar sentado, sem ajuda de enfermeiros e sem apoio”, afirma o assessor.

Leia também: Arlindo Cruz vai à praia pela primeira vez após AVC

Arlindo Cruz se recupera em casa desde 2 de julho, após 15 meses internado por conta de um AVC hemorrágico, sofrido em 17 de março de 2017, no Rio de Janeiro.

*Estagiária do R7 sob supervisão de Deborah Giannini

Entenda o que é o AVC e como o tratamento rápido pode evitar sequelas graves

 

CategorySaúde

Copyright © 2016 - Plena Jataí. Todos os direitos reservados.

Clínica/Laboratório: (64) 3631-5080 | (64) 3631-5090
Farmácia: (64) 3631-8020 | (64) 3631-8030
Imagem: (64) 3631-6001