Mais 21 porcos foram infectados pela doença na China
REUTERS/Daniel Acker

A China reportou outro surto de gripe suína africana no fim desta segunda-feira (3), o terceiro caso em dois dias, com a doença altamente contagiosa se espalhando rapidamente pelo maior produtor de carne suína do mundo.

O caso mais recente, o oitavo desde que o vírus foi identificado pela primeira vez no país há um mês, foi relatado na cidade de Wuxi, disse o Ministério da Agricultura chinês.

O local é cerca de 400 quilômetros da cidade de Lianyungang, onde autoridades detectaram outro surto na província.

Leia também: China faz inspeções de emergência após surto de gripe suína

O novo caso matou nove porcos e infectou outros 12 em uma fazenda com 97 animais, disse a pasta agrícola.

Não está claro se a doença está se espalhando mais rapidamente no país ou se os suinocultores estão reportando os surtos para as autoridades depois de uma blitz publicitária do ministério.

Durante o fim de semana, o governo disse que irá fechar mercados de suínos vivos nas províncias afetadas e impôs uma proibição sobre o transporte de porcos e de carne suína nessas áreas, a medida mais drástica tomada até o momento e que deve ter grandes repercussões na cadeia de oferta.

CategorySaúde

Copyright © 2016 - Plena Jataí. Todos os direitos reservados.

Clínica/Laboratório: (64) 3631-5080 | (64) 3631-5090
Farmácia: (64) 3631-8020 | (64) 3631-8030
Imagem: (64) 3631-6001