Chama a atenção a quantidade de vezes que os jogadores de futebol se exibem e se olham no telão durante os jogos da Copa da Rússia. A paixão pela própria imagem pode ser um traço de personalidade e até uma doença – o narcisismo patológico*Estagiária do R7 sob supervisão de Deborah GianniniO termo narcisismo vem da lenda de Narciso. Na mitologia grega, Narciso era um deus, filho do deus Cefiso com a ninfa Liríope. Antes de seu nascimento, seus pais consultaram o oráculo que disse que a vida de Narciso seria longa desde que nunca visse seu reflexo. Ao crescer, a beleza de Narciso despertou o amor de homens e mulheres, mas sua arrogância o fazia desprezar a todos. Um dia, ao ver seu rosto refletido nas águas de um lago, Narciso se apaixonou pela própria imagem. Ao tentar alcançar seu reflexo, se afogou. Após sua morte, o deus foi transformado em uma florA vaidade é algo natural do ser humano e é caracterizada pela preocupação com a própria aparência e pela performance, no caso dos jogadores. O atacante Thomas Müller (foto), da Alemanha, é um exemplo. O psiquiatra explica que o vaidoso possui inseguranças, tendo a necessidade de autoafirmação. Quando exagerada, a vaidade pode se tornar narcisismoAssim como a vaidade, o narcisismo também é um traço de personalidade. A pessoa se supervaloriza, colocando-se sempre como o centro das atenções. Geralmente, pessoas narcisistas são inseguras, tendo a necessidade de se reafirmar. A arrogância é uma característica comum aos vaidosos e aos narcisistas, segundo o psiquiatra. Para ele, Neymar e Cristiano Ronaldo (foto) se aproximam do narcisismo O narcisismo pode ser um traço de personalidade, mas também uma doença. Quando é uma doença é chamado de narcisismo patológico. É de difícil diagnóstico. Narcisistas patológicos costumam se fazer de vítima, são manipuladores e mentirosos, fazem tudo em benefício próprio e não têm empatia. O narcisismo patológico é característica de psicopatas e sociopatas, segundo o psiquiatra. O narcisista patológico não tem inseguranças e as pessoas ao seu redor têm como única função paparicá-lo e elogiá-lo. Líderes, como Hitler, podem ser caracterizados com esse transtornoAlém da vaidade e do narcisismo, existe a egolatria. O ególatra cultua a si mesmo, tornando-se um líder ou ídolo e atraindo seguidores. Não é o caso do atacante Messi (foto), da Argentina, que atrai fãs por sua habilidade no futebol. Muitas vezes, visando permanecer no topo, o ególatra provoca a auto-anulação, deixando de ser quem é apenas para conquistar status. A egolatria é um traço de personalidade diferente do egocentrismoO egocentrismo é um traço de personalidade da pessoa que exalta suas qualidades, falando o quanto sua aparência é boa ou o quanto é bom em algo, objetivando se manter no centro das atenções. A pessoa egocêntrica vai sempre afirmar o quanto ela é a melhor em tudo que faz. Não é possível afirmar que Cristiano Ronaldo (foto) seja egocêntrico. Para o diagnóstico desses tipos de traços de personalidade – vaidade, narcisismo, egolatria e egocentrismo -, é necessária a consulta com um psiquiatra

CategorySaúde

Copyright © 2016 - Plena Jataí. Todos os direitos reservados.

Clínica/Laboratório: (64) 3631-5080 | (64) 3631-5090
Farmácia: (64) 3631-8020 | (64) 3631-8030
Imagem: (64) 3631-6001