<img src=’https://img.r7.com/images/gesso-fratura-braco-engessado-perna-engessada-04122023143612907′ /><br />

Vitamina D não previne fraturas
Freepik

A vitamina D é conhecida por ser essencial para a saúde óssea, aumentando a absorção do cálcio. No entanto, essa vitamina só é produzida a partir da exposição solar sem protetor, no período anterior às 10h e após às 16h. 

• Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
• Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
• Compartilhe esta notícia pelo Telegram
• Assine a newsletter R7 em Ponto

Porém, segundo um estudo conjunto da Queen Mary University of London e da Escola de Saúde Pública Harvard TH Chan, a suplementação de vitamina D não faz com que crianças sejam prevenidas de ter fraturas ósseas. 

Os achados foram publicados na revista Lancet Diabetes &amp; Endocrinology.

Em pesquisa randomizada, 8.851 crianças de idades entre seis e 13 anos, da Mongólia, foram acompanhadas durante três anos. Cerca de 95,5% das voluntárias sofriam com a deficiência desta vitamina e todo o grupo recebeu suplementação oral semanal ao longo do período.

Veja também

Saúde
Acúmulo de gordura abdominal aumenta risco de insuficiência de vitamina D, aponta estudo

Saúde
Vitamina D pode aliviar quadros de psoríase, sugere estudo

Saúde
Mulheres podem ter níveis mais baixos de vitamina D do que dos homens; saiba por quê

Crianças com problemas de desenvolvimento ósseo, como o raquitismo, foram excluídas do experimento, uma vez que o possível oferecimento de placebo não traria resultados justos. 

Os pesquisadores perceberam que a reposição da vitamina D foi eficaz para deixá-la nos níveis normais, mas, em ultrassonografia quantitativa, com 1.438 participantes, não foi observada qualquer diminuição no risco de quebrar algum osso.

“A ausência de qualquer efeito da suplementação de vitamina D no risco de fraturas ou na resistência óssea em crianças com essa deficiência é impressionante. Em adultos, a suplementação de vitamina D funciona melhor para a prevenção de fraturas quando o cálcio é administrado ao mesmo tempo – portanto, o fato de não termos oferecido cálcio junto da vitamina D aos participantes do ensaio, pode explicar os resultados nulos deste estudo”, afirmou o professor associado da Escola de Saúde Pública Harvard TH Chan, Ganmaa Davaasambuu.

CategorySaúde

Copyright © 2016 - Plena Jataí. Todos os direitos reservados.

Clínica/Laboratório: (64) 3631-5080 | (64) 3631-5090
Farmácia: (64) 3631-8020 | (64) 3631-8030
Imagem: (64) 3631-6001