Shoppings da capital vão oferecer espaço para mamaço
CCS/Fiocruz

Mães de três estados e do Distrito Federal vão se encontrar em diferentes shoppings do país para fazer um mamaço – amamentação coletiva para divulgar a importância do aleitamento materno.

O evento acontece neste sábado (19) e foi organizado para marcar o Dia Mundial da Doação de Leite Humano.

A intenção é divulgar a importância da doação de leite materno, que será utilizado para alimentar bebês prematuros e de baixo peso que estão internados em UTIs.

O evento ocorrerá pela primeira vez e será realizado em 10 shoppings de todo o Brasil:  Shopping Conjunto Nacional (DF), Golden Square Shopping (SP), Shopping Eldorado (SP), Botafogo Praia Shopping (RJ), Shopping Nova América (RJ), North Shopping Fortaleza (CE), North Shopping Maracanaú (CE), North Shopping Jóquei (CE), Via Sul Shopping (CE) e Shopping Nova Iguaçu (RJ)

Em todos eles, o mamaço começa às 15h.

No caso do Golden Square Shopping, em São Bernardo do Campo, antes do início, as mães vão poder assistir a uma palestra sobre amamentação, que começa às 14h no espaço família. A palestrante vai ser a coordenadora do Banco de Leite Humano do Hospital Alipio Corrêa Neto, Telma Giangiardi.

No Shopping Eldorado, em São Paulo, a programação inclui roda de conversa com o tema “Porque Amamentar”. O bate-papo acontece a partir das 14h30, no Octavio Café, no primeiro piso. A partir das 15h acontece o mamaço com as mães convidadas. Após a ação, um coffee break será servido para todas as participantes do evento.

Leia também: Campanha de doação de leite materno começa nesta sexta

No Shopping Metrô Itaquera, o mamaço vai acontecer na quarta-feira (23), na estreia do projeto CineMaterna. O evento está marcado para 10h30 no Cinépolis antes da exibição do filme A Noite do Jogo, longa escolhido pelas mamães do projeto. A entrada será gratuita para todas as mães acompanhadas de bebês de até 18 meses e um acompanhante.

A iniciativa também dá início à campanha Aqui Tem Vida, de arrecadação de frascos de vidro, que será realizado em 19 shoppings até o dia 28 de maio e busca suprir um dos maiores problemas dos bancos de leite humano: o armazenamento.

A Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano da Fiocruz, por exemplo, necessita de 18 mil frascos por ano para armazenar o leite. O coordenador da rede, João Aprígio Guerra de Almeida, explica que a doação de potes de vidro é fundamental para aumentar a capacidade de armazenamento dos bancos:

“A embalagem adequada para a doação é um ponto sensível para a gente, angariar frascos significa aumentar nossa capacidade operacional”.

Para apoiar os 219 bancos de leite nos 196 pontos de coleta, basta doar frascos de vidro de até 500 g com tampa de plástico e boca larga, como os de café solúvel ou maionese.

Shopping vai inaugurar ponto de coleta de leite
Nada Frágil – Moda e Beleza

Novo ponto de coleta

O Shopping Vila Olímpia inaugura neste sábado (19), junto com o projeto Fadas do Leite, um ponto de coleta de leite materno.

A inauguração vai acontecer com um café da manhã e bate-papo com especialistas no assunto, como o pediatra Moises Chencinski, do Departamento Científico de Aleitamento Materno da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP).

O ponto de coleta vai ser equipado com bombas de leite e kits de coletores com luvas e máscaras caso a voluntária prefira realizar a coleta em casa. As doações serão retiradas e transportadas pela equipe da Fadas do Leite para o Banco de Leite do Hospital e Maternidade Leonor Mendes de Barros.

Apesar de ser líder mundial em número de Bancos de Leite Humano, o Brasil consegue suprir apenas 60% da demanda de leite materno para os recém-nascidos prematuros e de baixo peso internados nas UTIs neonatais, segundo dados do Ministério da Saúde.

Para uma das fundadoras do Fadas do Leite, a razão é que há uma escassez de doadoras:

“Isso acontece porque as mães que amamentam não sabem que caminhos percorrer para doar. Eu mesma tive muito leite, quis doar, mas me perdi no processo”.

O banco vai funcionar todos os dias entre 10h e 22h, no Espaço Família, que fica no quinto andar do shopping.

Doações em São Paulo

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo, o número de doadoras de leite humano cresceu 10% de 2016 para 2017. Como consequência, o volume de leite arrecado subiu 8,9% no mesmo período.

Em 2017, os bancos de leite do estado tiveram 39 mil doadoras, 3 mil a mais que no ano anterior. A coleta de leite no ano passado foi de 51 mil litros, 4 mil litros a mais que em 2016.

Conheça os 7 mitos da amamentação: 

 

CategorySaúde

Copyright © 2016 - Plena Jataí. Todos os direitos reservados.

Clínica/Laboratório: (64) 3631-5080 | (64) 3631-5090
Farmácia: (64) 3631-8020 | (64) 3631-8030
Imagem: (64) 3631-6001